CURSO de Línguas Online e Gratuito !

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

TRABALHO NO EXTERIOR


Trabalho no exterior: caminhos para conquistar uma vaga:

Brasileiros bem-sucedidos em empresas no exterior se tornam exemplo e abrem portas para que outros profissionais passem pela experiência de trabalhar em outro país.
Conquistar uma vaga como essas, no entanto, não é fácil.De acordo com o diretor executivo do Grupo Catho Brasília, Bruno Goytisolo, o número de jovens que buscam uma oportunidade como esta é crescente, já que o mercado nacional não absorve estes talentos.

Desafios:

Entre os desafios de trabalhar no exterior, está o de responder à cobrança feita 24 horas por dia. "Quem decidir trilhar esse caminho deve estar atento ao fato de que a oferta é boa, o salário é muito bom, mas a cobrança é muito grande. É um compromisso forte do empregador com o funcionário. A empresa financia a sua formação, dá a chance de ser um ótimo profissional, mas quer ver resultados", disse.Para que os desafios sejam superados e para que você aumente as chances de obter uma vaga de emprego em outro país, veja as dicas abaixo


OPORTUNIDADES:

*Que tal viajar para o exterior, se divertir, aperfeiçoar uma língua e ainda ganhar dinheiro? Se você gostou da idéia e tem idade entre 19 e 30 anos, bom nível de inglês, disponibilidades entre os meses de maio a agosto e características pessoais como liderança, bom humor e paciência já pode se inscrever no International Camp Counselor Program, um programa para trabalhar com crianças nos acampamentos do YMCA, nos Estados Unidos. Os candidatos, além de conviver com participantes de mais de 80 países diferentes, será responsável por diversas atividades que envolvem um dia-a-dia de um “summer camp” americano.

Para participar da seleção, além de atender aos pré-requisitos citados, o candidato terá que realizar uma inscrição em uma das unidades da CI espalhadas pelo Brasil. O valor da taxa de inscrição custa US$150. O processo seletivo é como um trabalho qualquer e envolve teste de conhecimento de inglês, feito pela própria agência no valor de R$50; e entrevista com os responsáveis pelo o acampamento, normalmente feita via MSN. Caso o candidato seja selecionado, ele paga ainda uma taxa de intercâmbio no valor de US$600. Além disso, é necessário que ele arque com as passagens áreas (ida e volta), pois alimentação, moradia e seguro médico internacional já estão inclusos no pacote.

*Outra opção de trabalhar no exterior é o Programa Au Pair, que pode ser realizado nos EUA, França ou Holanda. Nesse programa, o brasileiro vivenciará uma nova cultura fazendo parte de uma família, cuidando de crianças, estudando e mais uma série de benefícios. Nos Estados Unidos, por exemplo, ele é destinado apenas a mulheres com idade entre 18 e 26 anos, além disso é necessário que a candidata seja solteira e sem filhos, tenha nível intermediário de inglês, ensino médio concluído, carteira de habilitação e disponibilidade de 12 meses para realizar o programa. “O salário será em torno de US$160 por semana, nos EUA; na França, 70 euros por semana; e na Holanda, 300 euros por mês”, diz Naline. As inscrições para esse programa estão com valores promocionais até o dia 31. Mais informações no site http://www.ci.com.br/ ou pelo telefone (71)3341-7868.

*Para quem pretende aprimorar o domínio do inglês através de cursos de intercâmbio, a baiana Pride oferece programas para diferentes destinos, em parceria com as escolas de idioma Aspect Education (Austrália) e Embassy (Nova Zelândia, Inglaterra e Estados Unidos). Os descontos variam de 10% a 30%, a depender do programa. Segundo a consultora Juliana Tanajura, da Experimento Salvador, a maior procura tem sido por cursos na Austrália, em Sydney ou Perth, com uma média de 50 embarques anuais.

Os estudantes brasileiros preferem aproveitar as férias escolares para as viagens de intercâmbio, o que explica a maior procura por embarques nos meses de julho, janeiro e fevereiro. Outro destino que tem despertado o interesse de muitos estudantes e trabalhadores é a África do Sul. “A Cidade do Cabo, por exemplo, é muito bonita e tem um bom nível de qualidade de vida”, frisou a consultora. Maiores informações sobre os programas de intercâmbio e as promoções oferecidas podem ser encontradas no site da agência (http://www.experimento.org.br/) ou pelo telefone da filial de Salvador, (71) 3271-5020.

*Empresa realiza todo tipo de trámites, vistos de trabalho, turismo, negocios, estudos, etc. E ajuda pessoas que querem imigrar para Espanha.
Serviço vocacionados para estrangeiros que querem emigrar para Espanha, estrangeiros que moran na Espanha e também para as companhias o particulares.
Maiores informações : http://www.emigrar-espana.com/

FONTES:

2 -
3 -

Nenhum comentário:

Postar um comentário